Portaria n.º 28/85, de 12 de Janeiro de 1985

 
TRECHO GRÁTIS

o Decreto-Lei n.º 42/84, de 3 de Fevereiro, determina a extinção em 30 de Junho do ano em curso do quadro geral de adidos, criado ao abrigo do Decreto-Lei n.º 294/76, de 24 de Abril; Considerando que o n.º 1 do artigo 3.º daquele diploma legal dá como integrados nos quadros dos serviços ou organismos utilizadores, desde 1 de Maio, os funcionários adidos que nesta data se encontrem requisitados junto dos mesmos há mais de 6 meses e que o n.º 5 do mesmo preceito permite a integração dos adidos colocados nos serviços há menos de 6 meses, desde que estes tomem a iniciativa de desencadear o respectivo processo; Verificando-se a inexistência de vagas no quadro de pessoal da Direcção de Serviços de Administração Geral (DSAG), da Secretaria de Estado da Administração Pública, e considerando as orientações definidas nesse sentido pela alínea a) do n.º 2 do artigo 3.º; Manda o Governo da República Portuguesa, pelo Ministro das Finanças e do Plano e pelo Secretário de Estado da Administração Pública, o seguinte: 1.º O quadro de pessoal da DSAG, da Secretaria de Estado da Administração Pública, criado pelo artigo 20.º, n.º 2, do Decreto-Lei n.º 170/82, de 10 de Maio, e aprovado pelo n.º 1 do artigo 9.º do Decreto Regulamentar n.º 79/82, de 3 de Novembro, é aumentado do lugar constante do mapa anexo ao presente diploma, a extinguir quando vagar.

  1. Este diploma produz efeitos a partir de 1 de Maio de 1984.

Presidência do Conselho de Ministros e Ministério das Finanças e do Plano.

Assinada em 27 de Dezembro de 1984.

Pelo Ministro das Finanças e do Plano, Alípio Barrosa Pereira Dias, Secretário de Estado...

Para continuar a ler

PEÇA SUA AVALIAÇÃO