Anúncio n.º 7681-Z/2007, de 12 de Novembro de 2007

Anúncio n. 7681-Z/2007

Conservatória do Registo Comercial de Lisboa, 1.ª Secçáo. Matrícula n. 12 582/20040531; identificaçáo de pessoa colectiva n. 506868338; inscriçáo n. 1; número e data da apresentaçáo: 2/ 20040531.

Certifico que foi registado o seguinte:

Contrato de sociedade comercial e designaçáo de gerentes.

Sócios:

1) Álvaro Luís Correia Pinto.

2) Pedro Alberto Vieira de Carvalho.

3) A Linha da Vizinha - Comércio de Mobiliário e Decoraçáo, L.da

4) Rui Jorge Lucas Faria.

Artigo 1.

1 - A sociedade adopta a firma A Linha da Vizinha II - Comércio de Artigos de Iluminaçáo, L.da

2 - A sociedade tem a sua sede na Avenida do Conselheiro Fernando de Sousa, 27, letra A, freguesia de Sáo Mamede, concelho de Lisboa.

3 - Por simples deliberaçáo da gerência, pode a sede ser deslocada, dentro do mesmo concelho ou para concelho limítrofe, podendo a mesma criar ou encerrar sucursais, filiais, agências ou outras formas locais de representaçáo, no território nacional ou no estrangeiro.

Artigo 2.

O objecto da sociedade consiste na comercializaçáo, importaçáo, exportaçáo e representaçáo de artigos de iluminaçáo.

Artigo 3.

1 - O capital social é de 25 000 euros, encontra-se integralmente realizado em dinheiro e corresponde à soma de quatro quotas: uma do valor nominal de 5000 euros, titulada pelo sócio Álvaro Luís Correia Pinto, uma do valor nominal de 250 euros, titulada pelo sócio Pedro Alberto Vieira de Carvalho, uma do valor nominal de 11 000 euros, titulada pela sócia A Linha da Vizinha - Comércio de Mobiliário e Decoraçáo, L.da, e uma do valor nominal de 8750 euros, titulada pelo sócio Rui Jorge Lucas Faria.

2 - Aos sócios poderáo ser exigidas prestaçóes suplementares de capital até ao montante global igual ao capital social.

3 - Depende de deliberaçáo dos sócios a celebraçáo de contratos de suprimentos.

Artigo 4.

1 - A gerência da sociedade compete aos gerentes, a nomear em assembleia geral, com ou sem remuneraçáo conforme aí for deliberado.

2 - Para vincular a sociedade é suficiente a intervençáo de um gerente.

3 - A remuneraçáo da gerência poderá consistir, total ou parcialmente, em participaçáo nos lucros da sociedade.

4 - Ficam desde já nomeados gerentes os sócios Álvaro Luís, Correia Pinto e Pedro Alberto Vieira de Carvalho.

Artigo 5.

A sociedade poderá participar no capital social de outras sociedades, mesmo com objecto diferente do seu, e em sociedades reguladas por leis especiais ou em agrupamentos complementares de empresas.

Artigo 6.

A...

Para continuar a ler

PEÇA SUA AVALIAÇÃO